Download MacauHub mobile app (iOS version)


Download MacauHub mobile app (Android version)


Fórum de Macau tem nova secretária-geral adjunta

A secretária-geral adjunta do secretariado permanente do Fórum para a Cooperação Económica e Comercial entre a China e os Países de Língua Portuguesa, Echo Chan Keng Hong, anunciou quarta-feira que vai abandonar o cargo que ocupava desde Março do corrente ano.

Cristina Morais, actualmente chefe do Departamento de Relações Económicas Externas da Direcção dos Serviços de Economia de Macau, vai substituir Echo Chan nos cargos de secretária-geral adjunta do Fórum Macau e de coordenadora do Gabinete de Apoio ao Secretariado Permanente do Fórum.

Echo Chan disse à estação de televisão oficial de Macau TDM que a decisão está ligada a motivos “pessoais e familiares” e que deverá ausentar-se de Macau durante algum tempo.

A China criou em Macau em 2003 o Fórum de Macau com o objectivo de potenciar o papel de Macau como plataforma económica e comercial entre a República Popular da China e os Países de Língua Portuguesa.

O Fórum, com sede em Macau, reúne de três em três anos os ministros da China e dos países de língua portuguesa num encontro destinado a estudar os mecanismos de actuação e avaliar os resultados obtidos nos trabalhos realizados no âmbito das atribuições do Fórum.

O secretariado permanente do Fórum integra um secretário-geral (Chang Hexi, nomeado por Pequim) e dois secretários-gerais adjuntos (Vicente Manuel, indicado pelos países de língua portuguesa e Echo Chan, indicada pelo Governo de Macau, que vai agora ser substituída por Cristina Morais).

Integram ainda o secretariado delegados de sete países de língua portuguesa com quem a China tem relações diplomáticas – Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal e Timor-Leste.

São Tomé e Príncipe não está representado no Fórum uma vez que aquele país africano possui relações diplomáticas com Taiwan em detrimento da República Popular da China.

No entanto, nas reuniões ministeriais do Fórum realizados desde 2003 representantes de São Tomé e Príncipe têm participado como observadores. (Macauhub/AO/BR/CN/CV/GW/MO/MZ/PT/ST/TL)

Compartilhe esta notícia:
  • Facebook
  • Twitter
  • LinkedIn
  • Print
  • email
  • RSS

Notícias relacionadas:

  1. Echo Chan nova coordenadora do Gabinete de Apoio do Fórum Macau
  2. Fórum de Macau vai reforçar divulgação do Fundo de Cooperação
  3. Secretário-geral do Fórum Macau destaca papel das pequenas e médias empresas
  4. Macau: Delegação do secretariado do Fórum em Cabo Verde para encontro de empresários
  5. China: Zhao Chuang é o novo secretário-geral do secretariado do fórum entre China e países de língua portuguesa