Download MacauHub mobile app (iOS version)


Download MacauHub mobile app (Android version)


China e países de língua portuguesa em grande destaque em Outubro em Macau

A 7ª Semana Cultural da China e dos Países de Língua Portuguesa decorre este ano em simultâneo com um conjunto de actividades a serem realizadas pelo Secretariado Permanente do Fórum de Macau, disse quinta-feira a secretária-geral adjunta do Fórum de Macau.

Echo Chan salientou que a semana cultural e as acções a decorrerem este mês são uma parte importante das actividades do Fórum de Macau, aproveitando a plataforma de Macau para promover a cooperação económica, comercial e cultural entre a China e os países de língua portuguesa.

Na semana cultural estão previstas actividades como uma mostra de gastronomia dos países de língua portuguesa, uma feira de artesanato da China e dos países de língua portuguesa, uma mostra de teatro dos países de língua portuguesa, um espectáculo musical e de dança da China e dos países de língua portuguesa e exposições de arte contemporânea.

A semana cultural decorre de 16 a 22 de Outubro, a 21 de Outubro realiza-se o Fórum de Jovens Empresários da China e dos Países de Língua Portuguesa, nesse mesmo dia terá lugar a mesa-redonda com dirigentes de províncias e municípios da China e dos países de língua portuguesa e a 23 de Outubro haverá uma “sessão de apresentação” sobre as pescas e “as oportunidades de negócio” associadas ao processamento de pescado para o sector da alimentação.

Todas estas iniciativas decorrem à margem da 20.ª Feira Internacional de Macau (MIF), que se realiza de 22 a 25 de Outubro, e em que o pavilhão dos países de língua portuguesa, da responsabilidade do Fórum Macau, terá como tema os oceanos.

A secretária-geral adjunta do Fórum de Macau salientou que a realização e participação do Secretariado Permanente nas actividades mencionadas visa igualmente articular com a iniciativa “Uma Faixa, Uma Rota”, aproveitando a plataforma de Macau para criar novas indústrias e as oportunidades de negócio na promoção económica e comercial e no intercâmbio cultural.

Echo Chan deu como exemplo a apresentação de gastronomia dos países de língua portuguesa, aliada ao facto de Macau ser uma cidade de turismo, poder estimular o aparecimento doutras oportunidades de negócios ligadas às respectivas indústrias.

“O mesmo poderá acontecer noutras áreas, como as apresentações artísticas que poderão desenvolver esta indústria em Macau e reforçar o papel de Macau como plataforma, bem como nas actividades ligadas à promoção do comércio e de investimento, à construção de “um Centro e uma Plataforma” para o aprofundamento da cooperação regional económica entre o interior da China, Macau e os países de língua portuguesa”, salientou a secretária-geral adjunta do Fórum de Macau. (Macauhub/CN/MO)

Compartilhe esta notícia:
  • Facebook
  • Twitter
  • LinkedIn
  • Print
  • email
  • RSS

Notícias relacionadas:

  1. Relação entre Macau e Portugal permitiu sucesso da plataforma económica entre a China e os países de língua portuguesa
  2. Cooperação na aviação civil entre China e países de língua portuguesa em debate em Macau
  3. Encontro ministerial em Macau reúne China e países de língua portuguesa
  4. Banco da China cria em Macau equipa para negócios com países de língua portuguesa
  5. Macau: Delegações dos países de língua portuguesa reúnem-se em Macau