Download MacauHub mobile app (iOS version)


Download MacauHub mobile app (Android version)


Echo Chan nova coordenadora do Gabinete de Apoio do Fórum Macau

Echo Chan Keng Hong é a partir de hoje, quarta-feira, a nova coordenadora do Gabinete de Apoio ao Secretariado Permanente do Fórum para a Cooperação Económica e Comercial entre a China e os Países de Língua Portuguesa.

A nova coordenadora, que exercia as funções de administradora do Instituto de Promoção do Comércio e Investimento de Macau (IPIM), sucede a Rita Botelho Santos, que ocupou o cargo desde a criação do Fórum de Macau em 2003.

Num despacho publicado em Boletim Oficial, o secretário para a Economia e Finanças nomeia Echo Chan para o cargo do Fórum de Macau mantendo, no entanto, as funções de vogal não-executiva do Conselho de Administração do IPIM.

Echo Chan, formada em economia pela Universidade de Jinan, na China, possui um mestrado em Ciências Empresariais da Universidade de Macau e um diploma de Língua Portuguesa pela Universidade de Coimbra, em Portugal.

Anteriormente, Echo Chan exerceu funções de coordenadora no Parque Científico e Industrial de Medicina Tradicional Chinesa, nomeadamente presidente do Conselho de Administração do “Guangdong-Macau Traditional Chinese Medicine Technology Industrial Park Development” e foi administradora da Macau Investimento e Desenvolvimento.

O Fórum de Macau é uma instituição de iniciativa oficial da República Popular da China que tem por objectivo reforçar a cooperação e o intercâmbio económico entre a China e os países de língua portuguesa. (Macauhub/MO)

Compartilhe esta notícia:
  • Facebook
  • Twitter
  • LinkedIn
  • Print
  • email
  • RSS

Notícias relacionadas:

  1. Macau: Delegação do secretariado do Fórum em Cabo Verde para encontro de empresários
  2. Cabo Verde espera que fundo de apoio ao desenvolvimento dê “nova dinâmica” ao Fórum Macau
  3. Fórum Macau e IPIM reiteram reforço da cooperação para 2014
  4. China: Missão de Macau do Fórum para a Cooperação Económica e Comercial entre a China e os Países de Língua Portuguesa visita o Brasil
  5. Resultados do Fórum (Macau) estão à vista de todos, afirma secretário para a Economia e Finanças Francis Tam