Download MacauHub mobile app (iOS version)


Download MacauHub mobile app (Android version)

Macao magazine


Pet

Construção de porto de Matutuíne, em Moçambique, foi adjudicada

O governo de Moçambique já adjudicou em regime de concessão as obras de construção do porto de águas profundas de Techobanine, distrito de Matutuíne, província de Maputo, anunciou o primeiro-ministro moçambicano.

De acordo com o diário Notícias de Maputo, Alberto Vaquina não divulgou, no entanto, a identidade do concessionário de uma obra que tem um custo estimado em 7 mil milhões de dólares, a serem suportados pelos governos de Moçambique e do Botswana.

O projecto visa a construção de um porto de águas profundas para navios de grande calado, complementando o porto de Maputo, bem como a construção de uma linha férrea ligando Techobanine ao Botswana, via Chicualacuala e Zimbabué e um complexo industrial.

O complexo portuário terá capacidade para processar 100 milhões de toneladas por ano e poderá constituir uma importante reserva estratégica regional de combustíveis e uma infra-estrutura ideal para a exportação de minerais diversos de países como Botswana, África do Sul, Zimbabué, entre outros. (macauhub)

Compartilhe esta notícia:
  • Facebook
  • Twitter
  • LinkedIn
  • Print
  • email
  • RSS

Notícias relacionadas:

  1. Governos de Moçambique e do Botsuana acordam construção de porto de águas profundas de Techobanine
  2. Governo de Moçambique reservou terrenos para o futuro porto de Matutuine
  3. Governos de Moçambique, Zimbabué e Botswana apoiam construção do porto de Techobanine
  4. Governo de Moçambique vai abrir concurso para estudos de viabilidade económica do porto de Techobanine
  5. Governo de Moçambique vai construir novo porto de águas profundas em Maputo